Pergunte-me como o Coaching, pode fazer você, atingir seus objetivos:

Você também odeia a 2ª. Feira?

Será que algo está desalinhado em você?

Palavras chave: Coach, Coachee, Coaching, Crítico Interno, Desmotivação, Desalinhamento, Método SMART, Problemas, Resultados

O relato a seguir pode ser também o seu caso..

- Quando eu ouço a música do Fantástico, fico desesperado, com uma sensação de uma intensa e desastrosa preguiça. É sinal que a segunda feira está chegando.

Foi o que me disse um Coachee (Cliente) que atendi recentemente. Os resultados foram tão surpreendentes em nossa atividade de Coaching (método), que solicitei sua autorização para contar a vocês, o desenrolar do atendimento.

Era sexta feira, estava diante de um jovem desmotivado e muito preocupado. O que normalmente se espera de um jovem executivo, após uma semana de trabalho, é estar se preparando para uma atividade de recreação, ou melhor, "uma balada", como normalmente se ouve dos jovens em uma sexta feiras às 19h00 horas. Este Jovem executivo, já estava se preocupando com a música do fantástico no domingo à noite.

A primeira pergunta que lhe fiz para mudar seu foco foi:
- Pessoa, como você está se preparando para a "balada" de hoje à noite? Algum lugar especial? Alguma pessoa especial para conquistar?

Para organizar o texto entre o Coach (eu) e o Coachee (Jovem executivo), colocarei no início dos parágrafos os responsáveis pelas frases.
- Coachee - Antes pudesse estar pensado em balada hoje à noite. Eu não consigo me desligar das atividades de segunda feira, meus pensamentos estão me torturando.

- Coach - Você permite que eu conheça estes pensamentos?

- Coachee - Sim naturalmente. O pensamento dominante é: Eu não vou conseguir.

- Coach - "Eu não vou conseguir" é uma frase sua?

- Coachee - (pausa longa) Na verdade eu acho que vou conseguir. Ocorre que meu chefe acha que são muitos detalhes, para que sozinho termine até quarta feira, um projeto sobre a promoção de Primavera que apresentei para ser feito.

Importante ressaltar que diálogos internos desta natureza, chamamos de Crítico Interno. São vozes que pertencem a outras pessoas, representadas por uma crítica, que nos perturbam sobre maneira. Veja artigo em anexo sobre Crítico Interno - Clique aqui

- Coach - E você pensa que conseguirá terminar a atividade?

- Coachee - Eu penso que sim. Só que estou perdido nos detalhes. Eu deveria ter começado a atividade faz 10 dias. Agora está chegando o prazo final e nem comecei.

Neste momento estudei com meu Coachee, vários detalhes que condenam ao fracasso qualquer atividade. Utilizando o método SMART analisamos:

Coach- O seu projeto está S - Specific (Específico)? Ou seja, ele está claro para você? Você está "curtindo" sua realização? Após várias análises da clareza do projeto, perfeita adequação da definição do mesmo, está foi a conclusão:
Coachee - Sim ele está claro para mim, é o projeto da minha vida. Estou curtindo muito sua realização, mas tenho medo...

Coach - O seu projeto está M - Measurable (Mensurável)? Ou seja, os resultados podem ser medidos? Que números você espera dele?Avaliamos neste item as medidas do projeto, números, quantidades. Ao lembrar-se de todos o Coachee começou a ter certezas de sua importância.
Coachee - Tenho uma planilha com todos os resultados estimados, gráficos, tenho um Plano B pensado, caso os resultados não sejam os melhores. Mas este medo tem sentido?

Coach - O seu projeto está A - Attainable (Atingível)? Ou seja, você pode e deve ousar em seus sonhos/objetivos/metas, desde que sejam possíveis. Avaliamos neste item as possibilidades de sucesso do projeto, inclusive analisamos o Plano B pensado e destacado no item anterior.
Coachee - Sim, o projeto tem tudo para ser atingível. Está claro, tenho controle dos números. Basta colocá-lo em ação. Mas por que eu estava com medo?
Após este item o Coachee não falou mais em medo. Ele havia mudado de lado, saiu dos problemas e entrou nas soluções.

Coach - O seu projeto é R - Realistic (Realizável)? Ou seja, o seu projeto é possível, desde que seja realizável, esteja dentro do processo ecológico entre os interesses e pessoas que o cercam.
Coachee - Sim, o projeto tem todas as características que necessitamos para trazer excelentes resultados para a empresa. Agora eu sei vai dar certo, se colocar em ação.

Coach - O seu projeto está enquadrado dentro do T - Timely (Tempo)? Ou seja, um projeto além de claro, de mensurável, de atingível, de realista, precisa ter defino início e fim definidos.
Coachee - Este é meu problema então?...

Após o alinhamento destes quesitos, que precisaram ser finalmente definidos, meu Coachee percebeu porque estava procrastinando. Como você já sabe, procrastinar que significa deixar para depois, não significa necessariamente ter preguiça de desenvolver uma atividade, muitas vezes pode ser apenas indefinição.

- Fizemos uma agenda de atividades de forma retroativa: Do resultado(quarta-feira) até segunda feira as 08h00min da manhã. Importante ressaltar que minha proposta era fazer meu Coachee, relaxar e transferir para 2ª. Feira a realização da atividade, devidamente pensada e organizada.. Muitas vezes apenas escrever detalhes de uma atividade, comprometer-se com sua realização, libera sua mente, que a rigor não consegue administrar e organizar eventos seqüenciais.

Para terminar, contrariando a forma natural de uma reunião de Coaching, ajudei meu Coachee a programar uma "Balada" sensacional para sexta à noite.

No domingo à noite conversei com ele pelo SKIPE, que disse:

- Elza, estou esperando a música do Fantástico como nunca. Assim que terminar vou dormir, porque me diverti como nunca neste fim de semana. Vou acordar bem cedo e realizar uma a uma as atividades da agenda. ..... e cantarolou: É FANTÀSTICO...

Simples e eficaz. As reuniões de Coaching são assim.

 

   

 

 

 

 

Master Practitioner em PNL

Click aqui para falar comigo ==> atendimento@coachviaconte.com.br

Elza Conte - Uma Coach que acredita em constante reconstrução.