Pergunte-me como o Coaching, pode fazer você, atingir seus objetivos:

Pobre(s) Santo(s) Antonio

Um Coach poderá ajudá-lo a conseguir um(a) nomorado(a)

Palavras chave: Amar-se,Beleza, Bloqueios Emocionais,Capacidade, Coach, Coaching, Coachee,Crendices, Crenças, Derrotismo, Foco,Merecimento, Namorado(a),Possibilidade,Simpatias

 

Como alguém conseguirá ama-lo(a), se você mesmo não consegue fazê-lo?

(s) Os dicionários, apesar do pequeno uso na literatura, indicam que seja este o plural do termo em questão.

No próximo dia 13 de Junho será comemorado o dia de Santo Antônio. Conhecido como santo casamenteiro, várias "simpatias" serão certamente utilizadas, com o objetivo de "obrigar" o santo a facilitar os caminhos para conquista de um(a) namorado(a). A partir da data em questão e até que o Mesmo cumpra a sua santa incumbência , várias imagens do Santo (minha Noninha deve estar escandalizada) estarão presas em gavetas de cabeça para baixo, dentro da geladeira, até dentro de potes com água....mas que maldade....

Embora respeitando a engraçada crendice, este é o melhor caminho para o encontro de um(a) namorado(a)? Um Coach faz este tipo de acompanhamento?

Um Coach acompanha qualquer objetivo que um Coachee(cliente) queira alcançar. Tal objetivo precisa ser ecologicamente ético. E como pede o Método SMART, qualquer objetivo precisa ser:

S = (Specific) Específico
M = (Measurable) Mensurável
A = (Attainable) Atingível
R = (Realistic) Realista
T = (Time-Bound) Temporal

Um Coach faz nestes quesitos um alinhamento dos objetivos, para que além de uma crendice, nos assuntos haja sempre um sentido de possibilidade.

No caso do salutar objetivo de conseguir-se um(a) namorado(a), antes de trabalharmos o S do método SMART, uma condição indispensável é:

Antes de ser amado(a), é preciso amar-se. Costumo perguntar aos Coachees, que tem a dificuldade em tratamento neste artigo:

Como alguém conseguirá ama-lo(a), se você mesmo não consegue fazê-lo?

Como em qualquer objetivo a ser alcançado, você precisa em primeiro lugar, transmitir credibilidade nas palavras, nas emoções, nas expressões.
Imaginemos que, a conquista de um(a) namorado(a), seja um produto que uma suposta empresa tenta colocar no mercado. O produto aqui no nosso exemplo é você.

É fundamental no ramo de vendas, que o vendedor conheça o produto a ser vendido, evidentemente para que sua linguagem consiga convencer o comprador. Desde que o primeiro vendedor do mundo, vendeu alguma coisa, precisou ser desta forma.

Imagine um vendedor confidenciar ao futuro comprador: "Não sei não, eu não compraria este sapato. É melhor o senhor(a) ir na loja do vizinho, lá existem sapatos mais bonitos".

Quanto à beleza, como no caso do nosso vendedor, lembrando o antigo dito popular: "A galinha do vizinho é sempre mais bonita", uma das grandes questões para apreciarmos mais o outro do que a nós mesmos, está intimamente ligado a distorções de imagem sobre nós mesmos. Crenças limitantes, bloqueios emocionais, nos fizeram desaprender sobre todos os traços de beleza que possuímos. Focar neles torna nosso semblante leve e aconchegante, que certamente alguém está esperando sua permissão para encontrar.

....e você como vende sua imagem para um(a) futuro(a) pretendente? Muitas vezes com toda a boa vontade de Santo Antônio e até da sua revolta por estar sendo obrigado a fazer um milagre, passa a ser uma tarefa muito mais difícil.

Regras básicas: Os segredos de ter mais sucesso na vida e no trabalho

Comunicação: Assertiva, Clara e Persuasiva.
Quem se ama, consegue mostrar ao mundo quem é a figura transmitida no seu espelho. A comunicação com estes três quesitos é a capacidade de fazer-se entender em relação àquilo que se pensa, quer, sente ou faz. É um alinhamento para procurarmos o que está nos influenciando e como estamos percebendo o mundo.

Possibilidade: O que há de verdade no produto que você vende?
Quem se ama, consegue observar o que o rodeia. Conhece suas verdades. Muitas vezes perdemos grandes questões em nossas vidas, por derrotismo antecipado. É a situação do nosso vendedor acima. E ele ainda não sabe porque não consegue vender (risos)...

Capacidade: Você conhece suas habilidades e limites?
Quem se ama, considera as infinitas capacidades que dormem dentro de si. É preciso que você as conheça, para contar aos outros, caso contrário não terá o cunho de verdade.

Merecimento: Você acredita em você?
Quem se ama, aproxima de si todas as pessoas, que podem amar-lhe, simplesmente porque existe abertura para receber. Neste quesito estuda-se amplamente fatores emocionais que dificultam os Coachees pensarem em sucesso e conquistas.

A boa notícia que um Coach pode lhe dar, é que autoestima, capacidade de amar-se, é desenvolvida, a partir do momento que:

- Haja permissão de sua parte em conhecer-se e amar-se;
- Haja predisposição em alinhar todas as questões, tais como crenças e bloqueios, que o impediram de acreditar na potencialidade e beleza da imagem refletida em seu espelho;
- Haja vontade de ser amado(a) e feliz

Penso que minha Noninha ficou feliz com este artigo, pois seu amado Santo Antonio, voltará aos altares da vida....

.

 

   

 

 

 

 

Master Practitioner em PNL

Click aqui para falar comigo ==> atendimento@coachviaconte.com.br

Elza Conte - Uma Coach que acredita em constante reconstrução.